Voltar

Confira cuidados essenciais para motociclistas durante o coronavírus

Veja quais medidas podem ajudar a reduzir os riscos de contaminação

Sem dúvida, o Covid-19 é o assunto do momento. Por isso, é fundamental fornecer o máximo de informações verdadeiras para que a população se mantenha informada e saiba como agir em um momento delicado como este. Dessa vez vamos falar sobre os cuidados com os motociclistas durante o coronavírus.

Então se você deseja saber como é possível eliminar ou diminuir os riscos de contaminação, continue a leitura e confira!

Serviços essenciais

De fato, a pandemia trouxe muita incerteza e medo. Mas ao mesmo tempo nos fez enxergar e valorizar áreas que antes não eram tão aclamadas. O setor da limpeza virou uma grande prioridade e o segmento da saúde teve ainda mais reconhecimento. Do mesmo modo, os motociclistas passaram a ser vistos como essenciais no dia a dia de muita gente. Afinal, pessoas que utilizam a moto para trabalhar ajudam a movimentar comércios de diferentes segmentos.

Dessa maneira, entregadores de refeições ou outros produtos estão ganhando destaque, pois a demanda aumentou e a necessidade do trabalho deles ganhou mais visibilidade e conhecimento.

Mas mesmo com toda essa importância, é preciso não esquecer os cuidados essenciais. Pois atrás de cada profissional existe um ser humano, que trabalha, volta para casa e precisa, mais do que nunca, estar com a saúde em dia para ajudar a manter os serviços essenciais funcionando.

Cuidados com motociclistas durante o coronavírus

De fato, por ser um vírus novo, algumas informações acabam se perdendo. No entanto, a cada dia os casos aumentam e a necessidade de proteção também. Por isso, separamos algumas dicas com base nas recomendações da Organização Mundial da Saúde e do Ministério da Saúde para que os motociclistas possam reforçar os cuidados neste momento. Confira!

Recomendações pessoais

Primeiramente, como sabemos que o Covid-19 é transmitido através do ar ou pelo contato com secreções, que podem vir de quem está tossindo ou espirrando, é preciso fugir de qualquer tipo de contato. Ou seja, abraços, beijos e apertos de mão devem ser evitados por enquanto.

Do mesmo modo, é fundamental evitar tocar a boca, o nariz ou os olhos, principalmente após ter contato com alguma superfície, como móveis, portas e mesas, por exemplo.

Aliás, caso seja preciso tossir ou espirrar, o recomendado é utilizar os braços para cobrir a boca e o nariz. Assim, com a dobra interna do cotovelo é possível gerar a proteção necessária.

Além disso, é preciso lavar as mãos com frequência, utilizando água e sabão ou álcool gel 70%, especialmente após tossir ou espirrar, tocar em pessoas, ir ao banheiro e antes e depois das refeições.

motociclistas durante o coronavírus

Por fim, vale lembrar que os sintomas do coronavírus são parecidos com um resfriado, com febre e tosse. Mas apresentam também certa dificuldade para respirar. Por isso, se estes sinais aparecerem, é necessário procurar o serviço de saúde.

Durante o trabalho

Certamente, continuar trabalhando neste período é um risco. Afinal, os profissionais lidam diariamente com muitas pessoas e podem se contaminar durante o próprio expediente.

Portanto, durante o trabalho e sempre que sair de casa, os motoboys precisam estar com máscaras, luvas e devem evitar contato com as pessoas que encontrarem. Sempre que tocarem em alguma embalagem ou superfície, a dica é higienizar as mãos.

As máscaras devem ser utilizadas mesmo durante a pilotagem. No entanto, é preciso atenção, pois se ela for lavável, o ideal é realizar a troca a cada duas horas ou quando apresentar umidade.

Se o serviço exigir pagamentos por máquina de cartão, o equipamento precisa ser higienizado com um pano úmido a cada novo cliente.

Ao chegar em casa

Conforme citamos no início do texto, muitos motociclistas estão trabalhando em serviços considerados essenciais, como entregas de alimentos e outros itens. Portanto, ao chegar em casa alguns cuidados devem ser tomados.

Primeiramente, os sapatos precisam ser retirados e a sola deve ser lavada com água e sabão. Da mesma forma, as roupas que a pessoa estiver utilizando, precisam ser separadas, colocadas em uma sacola individual e lavadas.

O recomendado é que quem chegou da rua tome banho imediatamente, utilize álcool gel nas mãos e higienize itens como chaves, celular e outros acessórios que vieram de fora.

Aliás, todos os materiais, como bolsas, capacetes e luvas devem ser desinfectados do lado de fora da residência. Caso a máscara utilizada seja descartável, ela precisa ser jogada. Mas se for de tecido, deve ser higienizada com água e sabão pelo próprio usuário. A recomendação é deixar de molho por pelo menos 20 minutos.

Atenção com a moto

Por fim, entre os cuidados com o motociclista durante o coronavírus, queremos destacar a atenção que a moto e seus acessórios precisam.

O capacete, por exemplo, deve ser higienizado com frequência, já que está sempre em contato com o rosto do piloto.

De acordo com especialistas, para a limpeza é preciso utilizar álcool líquido ou uma solução com água e sabão.

Do mesmo modo, manoplas, guidão e outros locais devem ser limpos com a mesma mistura. Neste caso, não é indicado utilizar o álcool, pois o produto pode ressecar e até danificar o acabamento de algumas peças feitas de plástico.

Por fim, vale destacar que mesmo com o tráfego mais livre durante o isolamento, é preciso manter a distância. Por isso, a dica é que os motociclistas durante o coronavírus evitem parar muito próximos de outras motos nos semáforos. A recomendação também é evitar caronas.

Sem dúvida, todo cuidado é pouco neste momento. Mas esperamos que com essas dicas a proteção dos motociclistas durante o coronavírus aumente.

Se você gostou do nosso texto, compartilhe para que mais pessoas fiquem por dentro do assunto!

Continue de olho em nosso blog e confira as outras matérias que já publicamos sobre o universos do motociclismo!